terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Torre de Marfim

Nasceu pra mim, sorriso logo ali
Menina no chão, destino em sua mão

Papel sem fim em torres de marfim,
Olhando pro céu, envolto no grande véu

Todo sonho é filho de uma canção
Toda angustia um dia encontra um coração
Todo dia é dia de uma criança
Toda noite, há de haver uma esperança

Tão pequeno pra dizer
Um acorde no jardim do coração
Haverá de florescer
Harmonia, uma vida e uma canção

Todo sonho é filho de uma canção